A troca da bateria tem uma periodicidade ou tempo de vida. A fonte de energia do carro, uma hora, acaba demandando troca. Os cuidados fazem com que ela tenha uma durabilidade maior.

 

Deixar dispositivos eletrônicos ligados, como o rádio ou alarme, por exemplo, pode fazer com que sua bateria acabe.

 

A forma como você usa o carro afeta a sobrevida da bateria, que é uma caixa, constituída de placas positivas e negativas (superfície de chumbo) e um eletrólito, que é o ácido sulfúrico, em solução. A bateria é perecível.

 

Alguns fatos para ajudar você a cuidar da sua bateria:

 

  • Quando um carro fica desligado ele também consome bateria. Há dispositivos que, como uma TV, ficam em stand by. Essa energia que circula pode representar um risco de curto circuito quando um carro vai ficar desligado por muito tempo. Imagine que você fará uma viagem de 30 dias, e seu carro vai ficar na garagem. Sabendo como o carro funciona, você poderá pensar desligar o sistema que alimenta o acumulador e evitar que a bateria se desgaste (ou até que aconteça um incidente) com essa medida simples.  
  • Tirar a parte da frente do rádio também ajuda a manter a vida útil da bateria do carro. Dependendo do tipo, fabricação e marca, o consumo em stand by pode ser alto. Para os modelos que são removíveis, vale considerar parar e guardar a peça no porta-luvas, por exemplo.  

 

Receba informação no Blog do Pontal e siga nossas redes sociais:

@autoshoppingpontal

http://facebook.com/autoshoppingpontal